Como Criar um Fluxograma em Poucos Passos [Melhores Modelos]

Inicialmente, fluxograma é o nome que se dá a ícones, isso é uma inovação para representar o fluxo de atividade de um processo. Em outras palavras, fluxograma é um sistema de símbolos e abreviações (notação) usado para representar um processo através de desenho.

 Se você tem alguma dúvida sobre como criar um fluxograma, hoje nesse conteúdo, o tema a ser abordado será esse, como criar um fluxograma. 

E aí, ficou interessado neste tema? Então vamos começar! Continue comigo para saber tudo sobre fluxograma e como criar um. Confira a seguir.

O que é fluxograma

Fluxograma é um processo de representação por meio de desenho. É uma maneira simples  de identificar como acontece o fluxo das atividades representado por um símbolo.

Os símbolos que identificam o fluxo de atividade são padronizados e interligados por flechas que demonstram  direção desse fluxo.

Os fluxogramas são facilmente atualizados e o seu sistema de símbolos e abreviações (notação) pode ser compreendida em segundos, pois é uma ferramenta antiga, mais ao mesmo tempo popular.

Não é necessário a utilização de um programa especial, os símbolos usados no fluxograma estão disponíveis em programas como Word, Excel e PowerPoint.

A notação do Fluxograma é representada pela letra “F” maiúsculo.

Quando devo usar o fluxograma

Fazer um fluxograma pode ajudar a sua empresa na realização de tarefas. O recurso vai evidenciar quais as tarefas devem ser executadas e quais as pessoas estão envolvidas no processo, sendo uma peça-chave importante para que todos compreendam a sequência que deve ser seguida.

A seguir fiz uma lista com os benefícios do uso de um fluxograma. Confira:

  • O fluxograma permite que você conheça o fluxo de atividades do processo;
  • Permite identificar onde o processo começa e termina;
  • Vai ajudar a verificar quais os fornecedores e quais são os clientes de um processo determinado;
  • Permite relacionar quais são as áreas que fazem parte do processo;
  • O fluxograma vai permitir a identificação de possíveis erros no processo;
  •  Vai identificar os erros do processo;
  • Vai identificar problemas potenciais;
  • O fluxograma vai disponibilizar melhorias;
  • O fluxograma também vai proporcionar conhecimento, pois a atividade será documentada e vai servir de apoio para quem quiser conhecer sobre aquele processo.

Tipos de fluxograma

Existem vários tipos de fluxograma, cada um tem uma finalidade ou aplicação.

Eu separei alguns para te ajudar a entender melhor. Quer saber quais são esses tipos de fluxograma? Então continue comigo para saber, logo a seguir.

  • Diagrama de blocos;
  • Fluxograma de processo simples;
  • Fluxograma funcional;
  • Fluxograma vertical.

1 – Diagrama de blocos

Esse tipo de fluxograma é bem simples, o mais simples de todos. Ele consiste basicamente em uma sequência de blocos que vai mostrar a sequência de atividade, sem que tenha uma atividade de decisão envolvida.

Diagrama de Blocos

2 – Fluxograma de processo simples

Fluxograma de processo simples

Esse tipo de fluxograma também possui um tipo de desenho simples.  Tem uma visão mais simples do processo baseado em tarefas compostas, porém, nesse tipo de fluxograma já dá para incluir pontos de decisão.

3 – Fluxograma funcional

Fluxograma funcional

A diferença entre um fluxograma de processo simples e um fluxograma funcional, é que no funcional as tarefas são separadas de acordo com a pessoa que vai executá-lo, os desenhos são representados juntamente com o fluxo do processo.

4 – Fluxograma vertical

Esse tipo de representação de fluxograma também é conhecido como DIAGRAMA DE PROCESSO, é um pouco mais complexo. Nesse tipo de fluxograma os desenhos são incluídos em colunas verticais e uma coluna de descrição.

 Basicamente você vai ligar os pontos e descrever o que faz em cada uma das etapas, para fazer a representação.

Fluxograma vertical de processo

Significado dos símbolos de um fluxograma

Existem 28 símbolos de notação do Fluxograma. Você sabia disso?  Não?!  A seguir fiz uma lista com esses 28 fluxogramas para você conhecer cada um. Veja a seguir os símbolos de um fluxograma e o seu respectivo significado. Confira:

1 – Nome: Terminação –  Utilizado para finalizar o desenho do processo;

 →Pin em documentos

2 – Nome: Processo alternativo – Utilizado quando existe um processo alternativo relacionado;

Tipos e significados de cada símbolo

3 –  Nome: Processo –Utilizado para identificar uma atividade ou ação dentro do processo;

Tipos e significados de cada símbolo

4 – Nome: Decisão – Utilizado para identificar os momentos em que as decisões precisam ser tomadas;

Tipos e significados de cada símbolo

5 –  Nome: Processo predefinido – Significa que tem um processo predefinido para atividade;

Tipos e significados de cada símbolo

6 –  Nome: Armazenamento interno – Usado para identificar a existência de algum tipo de dispositivo;

Tipos e significados de cada símbolo

7 –  Nome: Documento – Usado para identificar um documento relacionado;

Tipos e significados de cada símbolo

8 –  Nome: Dado – Usado para representar Qualquer tipo de dado;

Tipos e significados de cada símbolo

9 –  Nome: Vários documentos – Usado para identificar vários tipos de documentos;

Tipos e significados de cada símbolo

10 –  Nome: Preparação – Significa que algo precisa de alteração;

Tipos e significados de cada símbolo

11 –  Nome: Entrada manual – Identifica que alguma informação precisa de registro manual;

Tipos e significados de cada símbolo

12 –  Nome: Operação manual – Usado para identificar que a operação foi manual;

Tipos e significados de cada símbolo

13 –  Nome: Conector – Usado para fazer uma conexão com outras parte do fluxo;

Fluxograma: Conector:

14 –  Nome: Conector fora de página – Identifica que o fluxo continua em uma página diferente;

15 –  Nome: Cartão – Representa o uso de cartões perfurados como meio de armazenamento;

Tipos e significados de cada símbolo

16 –  Nome: Dados armazenados – Identifica que pode existir algum tipo de dado armazenado;

 

17 –  Nome: Armazenamento de acesso direto – Dados que podem ser acessados diretamente;

18 –  Nome: Somador – Que acrescenta soma a algo “e”;

19 –  Nome: Ou – Opções “ou”;

20 –  Nome: Fita perfurada – Representa a utilização de fita de papel ou plástico, como meio armazenamento;

21 –  Nome: Atraso – Indica que as atividades estão aguardando para o fluxo continuar;

22 –  Nome: Exibir – Exibição de informações para leitura;

23 –  Nome: Armazenamento de acesso sequencial –  Identifica quais dados estão disponíveis sequencialmente;

24 –  Nome: Agrupar –  Representa uma etapa que organiza dados para armazenamento;

25 –  Nome: Extrair – É usado para dividir processos em caminhos paralelos;

26 –  Nome: Classificar – Identifica que no momento uma lista de ordem para classificação será gerada;

27 –  Nome: Mesclar – Indica uma etapa para unir conjuntos múltiplos em um apenas;

28 –  Nome: Disco Magnético  – Identifica uma base informatizada.

Como elaborar um fluxograma

A seguir, confira 5 boas práticas para que você possa elaborar um bom Fluxograma. Veja a seguir quais são essas boas práticas:

→ Use os ícones corretamente, para o fluxograma ser entendido universalmente;

→ Mantenha os ícones com o mesmo tamanho;

→ Sempre identifique as ações com as palavras no infinitivo, como por exemplo: marcar, buscar, selecionar, vender, etc.

→ Deixe bem claro onde o processo começa e onde termina;

→ Deu uma atenção maior aos processos integrados.

Conclusão

Hoje você aprendeu como criar um fluxograma. Te passei quais são os benefícios e quais são os tipos de fluxograma, que são diagrama de blocos, fluxograma de processo simples, fluxograma funcional, fluxograma vertical.

Ainda te passei quais são os 28 símbolos de notação do fluxograma. Espero que tenha gostado das dicas e informações. Se tiver alguma dúvida deixe nos comentários e até a próxima!

Leave a reply:

Your email address will not be published.

INSCREVA-SE comece a ganhar dinheiro DE VERDADE NA INTERNET

EU SEI…Todo Mundo Fica Oferecendo “Coisas Grátis”, Mas Pode Ter Certeza, Esse Curso Gratuito é DIFERENTE de tudo o Que Você Já Viu!